segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Passatempo


          Passei as últimas duas semanas me recuperando de uma virose chata e para evitar o tédio, passei esse tempo assistindo e lendo Harry Potter, Majo no Takkyubin e Inuyasha.
          Já perdi as contas de quantas vezes li esses livros, e mesmo não gostando muito dos filmes à partir do terceiro, adoro sentir a nostalgia de quando vi cada um pela primeira vez. Depois de tantos anos ainda fico arrepiada com certos trechos e cenas.
          O Studio Ghibli fez parte da minha infância no Japão e ainda encontro uma certa dificuldade para encontrar alguns filmes daquela época em boa qualidade, então fiquei feliz em finalmente poder assistir este novamente. Um dos meus sonhos de consumo é ter toda a coleção oficial.
          Conheci Inuyasha na adolescência, quando começou a passar na TV aberta com todos aqueles cortes e ajustes ridículos. Lembro de ser a única coisa que me fazia acordar cedo e de eu ter ficado muito nervosa quando o suspenderam, logo após algumas semanas. Fico empolgada quando reconheço alguma lenda que escutei quando era criança e tenho vontade de assistir mais capítulos do que o tempo permite.
           Agora já estou bem, mas pretendo continuar com essa maratona nostálgica, revendo várias coisas de anos atrás.


6 comentários:

  1. Virose é o que há de pior... Mas você conseguiu achar um ótimo método para se recuperar, Karine!

    Eu adoro tudo o que você colocou nesse post: "Harry Potter" é algo muito importante para mim e, como você, também prefiro os livros aos filmes, justamente por achar não ter gostado das adaptações que fizeram a partir do 3º longa ~ ainda que tenha achado "As relíquias da morte ~ parte 2" realmente emocionante.

    Do Estúdio Ghibli, eu assisti "A viagem de Chihiro", comovente e maravilhoso, comecei a ver "O castelo animado", que quero ter a oportunidade de terminar e ainda espero assistir "Arrietty", que parece ser lindo, delicado e poderoso ao mesmo tempo!

    Inuyasha também me marcou profundamente! A história é muito rica e comecei assistindo pela tv aberta. Com a censura, não foi mais ao ar, e tive que esperar muito tempo, até ter acesso a internet banda larga, para conseguir acompanhar todas as temporadas! Vibrei muito com os episódios de Kanketsu Hen e da forma como tudo se resolveu! Sinto falta dos traços, do colorido, das discussões entre Inuyasha e Kagome e da trilha sonora incrível!

    Enfim, a postagem acabou me lembrando de quando conversamos no meeting aqui do sul! Fico feliz que já esteja bem! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também não gosto justamente por não achar as adaptações muito boas. Eu sou meio tradicionalista com isso e gosto de quando está o mais fiel possível ao originial. O Cálice de Fogo é o meu favorito e é o que tenho a impressão de que mais foi modificado T T

      Wahh! Eu estou querendo ver Arrietty. Parece mesmo ser fantástico!

      Né? As passagens de avião poderiam ser mais baratas T T

      Excluir
  2. Quando li Harry Potter pela primeira vez aos 7 anos, eu soube que ia ser amor pra vida toda. É uma saga que com toda certeza vou forçar meu filho a ler. :B
    E eu também acordava cedo só para assistir Inuyasha na TV, e também fiquei muito triste quando suspenderam. Nunca vou esquecer essa duas histórias, e também me bate uma nostalgia quando lembro deles. :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muita gente da nossa geração é muito ligada à HP e animes que passaram na TV aberta. Sempre me sinto uma tia nostálgica XD

      Excluir
  3. Harry Potter marcou epoca, amo demais!
    Vc morou no Japao?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! Conheço pouquíssimas pessoas da minha idade que não gostam de HP :3

      Morei por alguns anos, quando era nova ^^

      Excluir

* Seja educado e coerente.

* Não faça propagandas.

* Agradeço muito pela visita e pelo comentário <3