terça-feira, 26 de maio de 2015

(23/05/2015) 7ª ExpoAgro


          Em teoria, sempre tem alguma festa no Edmundo Zanoni. Além da famosa Festa das Flores e Morangos, também tem a Festa da Uva, do Pêssego, entre outras, mas nunca fico sabendo com antecedência. Perdi todas do ano passado e só sabia da das Flores por ter mês predeterminado e boa divulgação.
          Quando finalmente fico sabendo de alguma, descubro que é uma festa agropecuária. Eu sou contra festas envolvendo animais se não for para adoção ou exposição com o fim de beneficiá-los. Nem preciso dizer o quanto abomino rodeio. Mas, ao pesquisar melhor, descobri que a entrada era franca e que as barraquinhas de produtos, comes e bebes eram independentes. Sendo assim, não apoiando o evento e tendo acesso direto ao que me importava, fui sem culpa.
          Passei direto pelos estábulos e evitei me aproximar da área de montaria e dos expositores. Fui logo para a praça de alimentação e foi só alegria. O evento estava calmo e achei ótimo ter bastante espaço para caminhar e sentar.
          Tinha vários produtos artesanais, como compotas, café, destilados, fermentados, mel e derivados e artesanato. O que fez meus olhos brilharem foi a barraquinha de derivados de milho. Eu adoro pamonha salgada, é uma das minhas comidas favoritas, e é bem difícil de encontrar aqui.
          Também teve bolo de milho, suco, curau, tapioca de coco com leite condensado, acarajé, bolinho de bacalhau, queijo coalho grelhado, pão de mel e docinhos tradicionais, entre muitas outras opções. Estas foram só as que eu experimentei. Os valores variaram entre R$3 e R$8 e achei ok, considerando que não gastei com ingressos.
          O que me surpreendeu e fez todo a diferença no programa foi um show de country rock (Matheus Canteri) que começou pouco depois que cheguei. Eu pretendia só dar uma volta, comer algumas coisas, comprar outras para viagem e voltar para casa, justamente por achar que o estilo musical do evento me incomodaria, mas tive sorte em ir  no único dia em que teria esse diferencial. A apresentação estava boa e fiquei para ver até o final, muito bem fechado com Free Bird.





Parque Municipal Edmundo Zanoni - Atibaia / SP




Geo Medical Berry Holic Green
Suavitrat Hidratante Própolis
Etude House Dear Girls Be Clear BB Cream
Contém 1g Artist Palette Blues Elegante Opaco e Ônix Opaco
Etude House Dear Girls Vitcara Long & Curl
Vult Cosmética Protetor Labial Cacau e Karitê
Etude House Apricot Stick Gloss #08 Cherry

Chapéu - Off Brand
Peruca - Body Line
Blazer - C&A
Blusa - Renner
Saia - Body Line
Bolsa - Innocent World
Meia - Lupo
Bota - Lilly's Closet
Acessórios (colar e anéis) - Self-Made / Off Brand

2 comentários:

  1. Também não sou muito fã desses eventos mais agropecuários, eu tenho vontade de levar todos os bichos pra casa e não posso :T
    (e aqui também tem menos variedade de comidas, hahaha.)

    Eu amei muito seu coord, ficou elegante e mais maduro, embora tenha a saia toda florida. Acho que é a saia da BL que eu mais gostaria de ter, mas estou meio desanimada com o dólar atual.
    Enfim, altas intenções de imitar esse visual de alguma forma XD ♥♥

    beijinhos! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi a primeira vez em muitos anos que fui para um evento agropecuário e estava com receio de me bater a ativista interior quando chegasse lá. Mas foi tranquilo. Os animais com os quais cruzei eram de exposição e estavam bem cuidados e aparentemente felizes. Menos mal :)

      O dólar está mesmo desanimador. Bons tempos em que ele valia R$2 e isso parecia justo ¬¬

      Muitos beijos <3

      Excluir

* Seja educado e coerente.

* Não faça propagandas.

* Agradeço muito pela visita e pelo comentário <3