quarta-feira, 12 de setembro de 2018

(08/09/2018) Healing


          Nos últimos meses eu acumulei muito estresse por causa da fadiga, de terapias para a mesma, que mais surtiram efeito negativo do que o contrário, e também com o relacionamento...
          A fadiga é a fadiga que sempre comento e o relacionamento estava abalado por conta de ciúmes, sexo e desentendimentos.
          Eu estava fazendo acompanhamento psicológico desde março pra avaliar traumas familiares do passado e o andamento da fadiga, que terminou mês passado com avaliação de estar tudo ok com o passado e lidando bem com o presente. Também comecei acupuntura há três meses pra ver se surtia algum efeito nas dores, mas infelizmente não senti nem o placebo de acreditar que realmente ajudaria.
          Na mesma época recebi o diagnóstico de tendinite e bursite no ombro direito por, advinhem, cozinhar demais! Desde que me casei, passei a cozinhar frequentemente grandes quantidades de comida e isso exigiu que eu fizesse muita força pra mover a colher nas panelas em uma posição errada. Cozinhar quilos por vez já era de mim, o que mudou foi a quantidade de vezes que passei a aplicar, e isso fez diferença. Sendo assim, fisioterapia! Ainda faltam 5 sessões para terminar. Foram 15 até agora.
          O problema é que se já era difícil pra mim sair mais de duas vezes por semana só pra me divertir, relaxar e manter uma vida social, a fadiga começou a gritar por eu ter que sair de casa mais duas (no início, a físio era duas vezes por semana) e para fazer coisas que não eram agradáveis. Considerando todos os prós e contras, sinto que a terapia psicológica só me ajudou a me sentir mais segura de que eu estava ok e me deu algumas ideias aqui e ali, mas nada que eu já não soubesse antes ou não tivesse força pra aplicar sozinha. A acupuntura não surtiu efeito nenhum. A fisio foi a única que mostrou resultados diretos e perceptíveis, tanto que o ombro está ótimo.
          Mas voltando pra minha agenda, significa que eu estava mudando minha rotina de descanso e terapia ocupacional com coisas que me dão prazer para: sair de casa, passar frio ou calor, ter que ver pessoas, ter que ficar em posições desconfortáveis e macas duras e me abrir com quem não quero e em horas que não quero (que apesar de eu conseguir fazer perfeitamente bem, me desagrada), às terças e sextas. Às sextas era pior, porque eu chegava na clínica às 14:30 e só saía às 18:00. Muito tempo fora do conforto físico e emocional num dia da semana que sempre foi separado para eu descansar para poder estar mais forte para sair no final de semana...
          Considerando que eu ainda tinha minhas próprias terapias, as que eu gosto e me ajudam de verdade, que eram caminhar todos os dias, me exercitar (em casa, com pesinhos), hidroginástica (que tive que parar em parte por causa disso tudo e em parte por ter um horário ruim), jardinagem, cuidados com a pele, separar roupas bonitas e um dia pra sair de casa e só curtir, algumas horas da semana voltados pra assistir filmes e séries e muitas horas de sono e descanso, não sobrou tempo e psicológico.
          Resumindo, a fadiga ficou pior, passei a ter crises de ansiedade frequentes (eram raras), crises de choro e vontade de largar tudo! Não aguentava mais sair por prazer e desisti de vários passeios e meetings. Eu nunca tinha sentido isso mesmo em fases piores da fadiga. Aí eu vi como ter o privilégio de manter uma rotina como a minha, sem ter que trabalhar, estudar ou ter grandes afazeres domésticos, faz diferença. Eu mal aguentei uma rotina de sair de casa dois períodos por semana pra fazer algo desagradável. Provavelmente seria terrível ter que viver como a maioria das pessoas (e eu lamento muito por quem tem doenças ainda piores e não têm nenhum tipo de apoio ou custeio).
          Por fim, duas das terapias acabaram e o relacionamento está se resolvendo muito bem. Consequentemente, a fadiga está melhorando e eu senti que estava forte o suficiente pra retomar as rédeas, já que estive no automático por tanto tempo.
          Comecei por me arrumar bem linda e pirigótica pro inverno de 30°C que estava fazendo e chamando a miga pra desabafar. E eu estava mesmo precisando, porque o coitado do Renato teve que ouvir um monte de coisa tensa por 4 horas (obrigada!!!). Me senti muito mais leve e melhor no final. No dia seguinte ele ainda me fez um monte de pães de queijo. Pensa numa pessoa legal!
          À noite, comemorei com o marido a possível boa nova fase com pizza (uma das minhas maiores alegrias fúteis foi aprender a gostar de pizza, não sei como não gostava antes!). Fomos numa pizzaria que conheci por um flyer de cardápio que prometia sabores realmente gourmet (nada de só cobrar caro pelas mesmas coisas que literalmente tem em cada esquina dessa cidade) e não me decepcionou. A pizza é super suave, muito gostosa, os ingredientes são de ótima qualidade (realmente parecem orgânicos) e tem muitos sabores vegetarianos! O pesto de rúcula e nozes estava uma delícia e eu quero voltar para experimentar a de maçã, que parece uma torta folhada.





Gerder & Sabine Doceria / Fino's Pães e Pizzas - Atibaia / SP



Lentes Natural Colors Ocre
It's Skin Babyface BB Cream Silky
Vult Quinteto de Sombras Matte Lovely Nude Café Com Leite e Café
It's Skin Babyface Petit Mascara Volume
Dailus Pró Batom Líquido Colan Pecado

Top Harness - Self-Made
Sutiã - Havan
Saia - Off Brand
Bottom Harness - Self-Made
Bolsa - Eurobag
Bota - Off Brand
Acessórios - Off Brand

8 comentários:

  1. Nossa que caminhada a sua e parabéns pelas suas superações e minha nossa como você é linda seu esposo tem muita sorte de ter t conhecido.Sua produção está impecávelmente lindaaaaaa sua maravilhosa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, huahsufhasf! To toda rosa aqui XD <3

      Excluir
  2. Mana , so consegui ler agora.... Eu passei exatamente por tudo isso .
    Meus primeiros anos de casamento ...terrivel ...o conhecimento a adaptacao de entender e aceitar , duas personalidades , que por mais que sejam muito parecidas , sao totalmente desconhecidas..entao volta a estaca zero , conhecer , fazer as pazes...saber lidar ...cozinhar ,desenvolvi isso tbm , esta um carosso enorme ,tbm estou fazendo fisio..e logo vou pra cirurgia , tbm tenho crises de ansiedade do nada , fadiga ..irritacao ,nao estou mais no salao de estetica , entao fico o tempo todo em casa ... As vezes a solidao , a depresssao vem tudo junto ...e quando vem ...sai de baixo... E sim , e normal ter desentendimento numa vida adulta a dois , eu mesma , ja ate me deu a louca , surtei , enchi meu carro com minhas roupas e tudo que tinha e fui embora pra minha cidade , casa de neus pais .
    Foi uma epoca tensa , fui ficando fraca , desnutrida , 45..44..43 quilos , so cama , mal comia ...ate me levarem as pressas , estava com dias contados ..nervos do meu corpo inteiro ateofiou , rins parando , eu mesmo ja tinha dado adeus a vida..nao queria mais nada...

    Enfim ...so vi o marido ...que eu tinha largado , no papel , correndo e me levou mo colo para uma cidade , fazer tratamento intensivo , primeiro foi massoterapia profunda , todos os dias , mais soros e remedios na veia.
    Foi horrivel ...mas enfim...
    So de lembrar me emociono ....
    Casei novamente quando fizemos 10 anos.. ano passado ... Percebi que por mais que vivamos , nunca seremos tao experientes assim ...e que vale a pena conhecer essa a vida a dois e ver como funciona .tanto no sexo , nos passeios , e muitas outras coisas.
    Na hora H , saber que o outro tbm tem limites e quer dar o seu melhor ..mas as vezes acontece de dar aquela falhada , sempre elogiar ...pq quando vi ...aquele garoto , homem , do meu lado na maca chorando que nem crianca , pedindo mil desculpas....eu entendi o que e amar ...

    Desculpa a historia , e meu celular nao esta colocando acentos ...
    Mas se vc conseguir , equilibrar sua mente e encher de coisas boas , se livrar de problemas que te sugao a energia..ja basts os nossos ...vc vai passar no teste ...casados ..
    A crise de 3 anos , a de 7 e a de 10 kkkk...e assim vai ..
    Ninguem e perfeito ...a perfeicao que buscamos esta so na mente , mas sempre podemos madurecer e melhorar ambos.

    Bjus querida ..vai dar certo ..confie ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu deus, mana! Sinto muito mesmo! D:

      A gente acha que é só a gente passa por momentos de dar a louca e querer sumir, mas todo o mundo passa em alguma hora, né? Eu ainda me sinto super culpada quando respiro e vejo que só estava muito estressada, mas preciso passar pelas situações com mais calma e também saber que se deu vontade de fugir, é porque algo não está certo e precisa ser levado à sério, em vez de só sentir culpa.

      Me emocionei lendo. Muito obrigada por dividir sua história. Você é uma inspiração!

      Tudo de bom pra você <3

      Excluir
    2. Realmente o estresse faz a gente mudar drasticamente .
      Mas todos os dias temos chances para mudar e respirar mais calma , dar uma relachada .
      Super indico um lugar para relachar , um spa para os dois . E um lugar gostoso que as vezes vou la para relachar , Thermas de Olimpia ...
      Eu entro no furoooo e fico cozinhando o dia todo kkkkk....

      Bjus amada

      Excluir
    3. Ai, eu bem que queria ir, viu? Mas tá difícil a vida XD

      Porém, entretanto, todavia, coincidentemente com o comentário, minha mãe me deu de presente uma viagem romântica pra Campos do Jordão e to indo amanhã. Vai ajudar muito! <3

      Excluir
  3. Você fica belíssima de lolita, mas pirigotica é imbativel ❤
    Sinto muito por você passar por isso é fico feliz que você esteja melhor e possa usufruir desses "privilégios" (que são na verdade necessidade né).
    Vou aí cozinhar pra vc pra vc descansar :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho que se aplica a você. A gente (+umas amigas) deveria fazer um ensaio pirigótico. Já pensou? O:

      Né? Mas aqui (e na maior parte do mundo) ainda é utópico querer que o governo se importe com saúde mental. No BR mal ligam se você tá vivo, quanto menos se você vai dar gasto. Sou muito grata por ter uma família que me apoia <3

      Ai, meu deus, quero! Volta e meia eu sonho com uns jantares seus. Chega a ser meio estranho XD

      Excluir

* Seja educado e coerente.

* Não faça propagandas.

* Agradeço muito pela visita e pelo comentário <3